Esclerose múltipla: sintomas, prevenção e tratamento

Esclerose múltipla: quais os sintomas e como prevenir?

Esclerose múltipla: sintomas, prevenção e tratamento
Confira mais detalhes sobre a esclerose múltipla, uma doença autoimune que pode afetar o nosso cérebro. Descubra os sintomas e aprenda mais sobre prevenção e tratamento!

A esclerose múltipla é uma doença autoimune que afeta o sistema nervoso tanto de homens quanto de mulheres. Por ser uma doença inflamatória crônica, ela progride lentamente danificando os axônios, responsáveis por proteger os neurônios.

Essa doença pode se desenvolver, geralmente, em pessoas com idade entre 20 e 40 anos, sendo mais ocorrida em mulheres que vivem em climas temperados. Um dos principais perigos da esclerose múltipla é que ela provoca surtos inesperados, que podem acabar sendo constantes e progressivos.

Saiba mais sobre quais são os sintomas dessa doença e descubra se é possível preveni-la!

Sintomas


Sintomas da esclerose múltipla. Foto:Divulgação

Sintomas da esclerose múltipla. Foto:Divulgação

Em sua fase inicial, a doença possui sintomas bem sutis, variando de acordo com cada caso. No entanto, é importante ficar atento para os sintomas que vão e voltam, como visão turva, alterações no controle urinário, motor e sensitivo, formigamento dos membros, perda visual, desequilíbrio, ente outros.

Os pacientes que desenvolvem a esclerose múltipla podem também apresentar distúrbios na fala e tremores no corpo. Nessas situações é imprescindível buscar atendimento médico hospitalar com urgência.

Prevenção


Como prevenir a esclerose múltipla?. Foto:Divulgação

Como prevenir a esclerose múltipla?. Foto:Divulgação

Infelizmente, ainda não é possível prevenir a esclerose múltipla. Porém, ler e praticar exercícios físicos podem ajudar a impedir que os protetores dos neurônios, os axônios, sejam destruídos, minimizando o risco de a doença aparecer.

Tratamento


Tratamento da esclerose múltipla. Foto:Divulgação

Tratamento da esclerose múltipla. Foto:Divulgação

A esclerose múltipla não pode ser curada, mas deve ser tratada para reduzir as consequências devido aos surtos. Por conta disso, medicamentos devem ser utilizados para fazer com que o espaçamento entre os surtos seja maior, além de tentar prorrogar a fase mais grave da doença.

Terapia ocupacional, acompanhamento fisioterapêutico e fonoaudiólogo são essenciais para ajudar a controlar a esclerose múltipla, assim como uma boa alimentação e a prática de exercícios físicos.

É fundamental que, ao constatar a doença, o paciente e a família possam contar com ajuda profissional e especializada. Faça exames regularmente e cuide da sua saúde!

Para prevenir não somente doenças como esclerose como outras contrate um plano de saúde ameplan.

Até +

O meu objetivo nesta matéria é relatar sobre Esclerose múltipla: sintomas, prevenção e tratamento e tambem tirar suas duvidas, se está a procura de informação ou como encontrar o produto ou telefone de contato de empresas sobre: horoskop blíženci - horoskopy.cz , sintoma esclerose múltipla , quais sao os sintomas da esclerose multiplas , o que é esclerose? , movies - mysask411.com , esclorese múltipla sintomas , esclerosemutipla , esclerose multlipa , «chemise arrachée»: procès en appel, avant une grève à air france - libération ,

Esclerose múltipla: sintomas, prevenção e tratamento

Deixe seu comentário

(Não divulgado)


Informe os numeros:





"As imagens presentes nesta matéria são reproduções de materiais já existentes. Caso tenha algum direito sobre as mesmas, entre em contato conosco para incluir os créditos ou solicitar a retirada."

FIQUE POR DENTRO