"Aprenda a Costurar com Gil Brandão" busca reeditar material do famoso modelista

CPDoc JB busca informações sobre um herdeiro ou representante legal de Gil Brandão para reeditar material deixado pelo modelista.

"Aprenda a Costurar com Gil Brandão" busca reeditar material do famoso modelista
Desenhos de Gil Brandão para o Jornal do Brasil. Foto:Edição de Imagens: Ana Paula Amorim

Desenhos de Gil Brandão para o Jornal do Brasil. Foto:Edição de Imagens: Ana Paula Amorim

O CPDoc JB está negociando a viabilização da reedição de um riquíssimo material de moda elaborado por Gil Brandão, na década de 60 no Jornal do Brasil, através do projeto “Aprenda a costurar com Gil Brandão” onde serão reeditadas lições básicas de corte e costura, com a seleção de 50 modelos para o leitor confeccionar suas próprias peças. Para isso, o CPDoc JB está a procura de um herdeiro e/ou representante legal do modelista.

Quem foi Gil Brandão?


Todos nós sabemos que por muito tempo, a moda brasileira não tinha identidade própria. Dependíamos exclusivamente das tendências e do estilo europeu para sabermos o que e como vestir. Portanto, não havia criadores ou estilos genuinamente brasileiros.

A primeira coluna de moda publicada pelo Jornal do Brasil, em 1896, mostra essa realidade vivida pela moda brasileira, fortemente influenciada por Paris. Revela também a atitude pioneira do jornal em fornecer informações que visavam orientar as leitoras a cerca de como se vestir e de que forma estar em dia com as tendências. As páginas do jornal traziam o glamour e os trajes ricos em detalhes de uma “moda importada”.

Essas eram as primeiras páginas da história da moda nacional no Jornal do Brasil e que traziam o caráter de fenômeno social da moda. Elas refletiam comportamentos, ideologias, manifestações culturais e, até mesmo, a situação econômica vivida tempos atrás.

Aprenda a Costurar com Gil Brandão. Foto:Edição de Imagens: Ana Paula Amorim

Aprenda a Costurar com Gil Brandão. Foto:Edição de Imagens: Ana Paula Amorim

Tal conjuntura conheceu seu auge em 1959, um novo formato de publicação de tendências de moda, através de um dos mais importantes nomes da costura brasileira, Gil Brandão, nascido no ano de 1924. Formou-se em arquitetura e foi contratado pela Rede Globo para ser figurinista (1983). Também trabalhou em importantes publicações de moda como a revista Manequim e a primeira revista brasileira, a “Fon-Fon”. Dentre as suas famosas criações destacamos: a blusa listrada com gola e punhos grandes (em 1954); a saia de praia (1957); o vestido saia-balão (ou balonê como conhecemos atualmente) e peças de moda praia (1959).

A moda brasileira, até então espelho dos trajes franceses, começou a ganhar novos ares, especialmente quando Brandão lançou, através da Revista de Domingo, um projeto gráfico-editorial que visava ensinar as mulheres a elaborar suas próprias peças. No Jornal do Brasil, Brandão lançou editorais como “Aprenda a Costurar”, “Escolha seu Modelo”, “O Modelo da Semana e “Nossas Crianças”. Em cada um, eram encontradas orientações de elaboração de moldes, corte e costura. O trabalho ganhou notoriedade nos anos seguintes, quando o modelista divulgou mais uma coluna, “Interpretação de um modelo”, onde dicas ilustradas de modelos eram sugeridas às leitoras. Também houve a abertura de um canal interativo com as leitoras na seção “Correspondência de Gil Brandão”.

Dessa forma, Gil Brandão publicou um conteúdo revolucionário no Jornal do Brasil. Ao longo de uma década, forma mais de 2.000 peças produzidas, entre figurinos e moldes, buscando despertar nas donas de casa dos anos 60 a experiência do corte-costura, e promovendo, inclusive, a inserção de muitas mulheres no mercado de trabalho.
Danusa Spricigo Pasqual
Equipe - Portais da Moda
Portais da Moda - Historia da Moda

O meu objetivo nesta matéria é relatar sobre "Aprenda a Costurar com Gil Brandão" busca reeditar material do famoso modelista e tambem tirar suas duvidas, se está a procura de informação ou como encontrar o produto ou telefone de contato de empresas sobre: gil brandão , quem foi gil brandao , gil brandao , gil brandão moldes , livro gil bradao , quem foi gil brandão , costura famosa brasileira , gil brandão corte e costura , moda atraves do trmpo gil brandao , moldes gil brandão ,

"Aprenda a Costurar com Gil Brandão" busca reeditar material do famoso modelista

                                   
Deixe seu comentário

(Não divulgado)


Informe os numeros:





  • aprendi a costurar pelo método do gil brandão. é inenarrável a facilidade com que aprendi, eu e mais outras senhoras. aprendi nos anos 70, em olaria e a minha professora chamava-se odília, que era formada em música!!!! aulas maravilhosas... quanta saudade. .. há meses atrás, me desfiz de todo material que guardei durante 40 anos por causa de alergia aos ácaros. como me arrependo!!! deixei na igreja de s.paulo, em copacabana, para que alguém o utilizasse. modéstia à parte, a minha pasta era muito caprichada. gostaria de fazer uma reciclagem pelo mesmo método que é deliciosamente fácil. que cabeça tinha aquele homem para simplificar o corte e costura... que deus o tenha em um belíssimo lugar porque o gil fez muito por nós e principalmente por aquelas que puderam ganhar o pão de cada dia com dignidade e muita felicidade. odília, se ler esta, mando-lhe um beijão.

    leocÁdia reis

  • tomara que reedite,tenho filha de 40 anos ,sempre costurei ,e,agora costuro para os netos,graças ao gil brandão,aprendi a costurar com os figurinos infantil do gil brandão.com ele aprendi a amar costurar.vou torcer para que isto aconteça,parabéns para quem teve esta preciosa ideia.abraços neli de campos do jordão

    neli

  • cheguei a acompanhar durante um tempo as explicações no jornal do brasil dos moldes maravilhosos de gil brandão, são excelentes,. gostaria de adquirir o material de modelagem do método dele. nunca vi nada igual!

    luiza m. bittencourt

  • também fiz o curso em olaria com a professora odilia nos anos 70 e gostaria muito de reencontrá-la.

    vera regina passos da silva

  • minha mãe era consumidora fiel de gil brandão. eu era pré adolescente e assistia ele no programa da helena sangirardi na antiga tv tupy.

    zuleika moraes bispo

  • adoraria rever o comercial que fiz para o gil brandão na década de 70. eu era modelo e junto com a ana maria nascimento silva protagonizamos o comercial para a tv anunciando esse produto!

    marcia casares

"As imagens presentes nesta matéria são reproduções de materiais já existentes. Caso tenha algum direito sobre as mesmas, entre em contato conosco para incluir os créditos ou solicitar a retirada."

FIQUE POR DENTRO