Barbie: A História da Boneca que Completa 60 anos em 2019

A Barbie completa 60 anos em 2019, com um corpo de 20 e homenagens mil.

Barbie: A História da Boneca que Completa 60 anos em 2019
Barbie: A Boneca . Foto:Divulgação

Barbie: A Boneca . Foto:Divulgação

Mas qual é a história dela e sua importância para a moda? É o que o Portais da Moda vai contar agora para você!

A Barbie foi introduzida pela primeira vez no American International Toy Fair, em Nova York em fevereiro de 1959. Ela foi criada por Elliot Handler, o fundador da Mattel, Inc., e sua esposa, Ruth. Depois de reparar no interesse da filha por bonecas de mulheres adultas, Ruth Handler sugeriu a idéia de uma boneca adulta, que depois ela nomeou com o nome de sua filha, Barbara. A princípio, a imagem feminina da boneca e seu rosto pintado baralharam opiniões e poucos teriam imaginado que mais de 35 anos mais tarde Barbie seria um dos mais bem sucedidos e duradouros brinquedos do mercado.

A aparência da Barbie foi modelada em uma boneca alemã, Lilli, a qual foi baseada em um personagem popular de história em quadrinhos. Posteriormente, a Mattel começou a anunciar seu novo brinquedo na televisão, as vendas da Barbie foram um sucesso, o que levou os Handlers a adicionar um namorado, Ken (nome de seu filho) em 1961; uma melhor amiga, Midge, em 1963, e uma irmã, Skipper, em 1964 . O sucesso foi estrondoso, implicando na criação de vários outros itens relacionados com as bonecas como o carro e a Casa dos Sonhos da Barbie.






Ao longo dos anos, a figura voluptuosa da Barbie tem suscitado controvérsias. Se ela fosse humana, suas medições deveriam ser de aproximadamente 91,5 cm de tórax, 45,7 cm de cintura e 84 cm de quadril. Por causa disso, ela tem sido acusada de incutir uma imagem irreal de corpo nas crianças. O lado positivo é que, muitas mulheres viram a Barbie como proporcionar uma alternativa aos tradicionais papéis 1950. Ela teve uma série de profissões diferentes: de professora, astronauta, veterinária, cantora, comissária de bordo e modelo. Ela foi até uma medalista de ouro olímpico e candidata a presidência dos Estados Unidos! A Barbie também sempre esteve ligada com a tecnologia mais recente. Um exemplo disso foi em 1985 quando ela teve o seu primeiro computador.

Para manter a imagem glamorosa da Barbie sempre atualizada, os designers da Mattel fornecem à boneca cerca de uma centena de novas roupas cada ano. O vestuário da Barbie também foi criado por designers mundialmente famosos como Yves Saint Laurent, Christian Dior, Valentino, Perry Ellis, Oscar de la Renta, e Bob Mackie. Desde 1959, mais de 105 milhões de metros de tecido foram usados para criar roupas da Barbie.

Barbie: A Boneca . Foto:Divulgação

Barbie: A Boneca . Foto:Divulgação

[bloco_link1]


Amando-a ou odiando-a, Barbie é um ícone mundial. Mais de quinhentos milhões de Barbies - ou mais de um bilhão, se as vendas de bonecos Ken e Skipper estivessem incluídas - foram vendidas em mais de 140 países. A cada semana, a Mattel vende mais de 1,5 milhões de bonecas, ou cerca duas bonecas por segundo. Noventa por cento de todas as garotas americanas nos últimos 40 anos tiveram, pelo menos, uma Barbie, e todas as bonecas Barbie fabricadas até hoje fossem colocadas lado a lado, elas teriam dado 3 voltas e meia em torno do planeta terra!

Em 2007, com vendas da Barbie enfraquecendo ligeiramente, em parte devido à forte concorrência provocada pelas bonecas Bratz, a Mattel lançou a sua mais nova Barbie com um site gratuito chamado BarbieGirls.com. O site permite que as crianças criem os seus próprios personagens virtuais Barbie. Considerado como um lugar seguro para as crianças interagir on-line, BarbieGirls.com é uma das muitas tentativas recentes de aliar a tecnologia às bonecas.


A Barbie Como Reflexo da Cultura da Década de 1950

A ênfase inicial foi na aparência da Barbie, que refletia a atitude das mulheres da sociedade americana. A Barbie era usada como uma ferramenta de ensino para feminilidade. Como a mulher ocidental ideal, com longos braços e pernas, uma cintura fina e seios fartos, a Barbie representava tudo o que as garotas sonhavam em relação a um corpo maduro perfeito. A Barbie foi originalmente criada para projetar o sonho do futuro de cada garotinha (em 1959), e esse sonho inclui uma figura madura. A Barbie também tinha a pele livre de sardas e marcas, com apenas uma quantia própria de maquiagem.

Outro vestígio da sociedade americana pode ser visto na sua caixa original e nos livrinhos de moda que a acompanhavam. A caixa era coberta por desenhos no estilo de Alta Costura, transformando a Barbie em uma figura completamente associada à moda. A capa do livro é de um ar notável sofisticação. Também, seu rabo-de-cavalo loiro brilhante, popular entre as adolescentes no fim da década de 50, a primeira página do livro mostrava a Barbie em uma leve camisola. Os trajes seguintes pertenciam à higiene e arrumação da casa, duas importantes habilidades ensinadas às adolescentes. A Barbie tinha uma atitude agradável em relação à limpeza dos porta-retratos, como uma experiência animadora, mostrando suas habilidades como boa esposa.

Barbie: A Boneca . Foto:Divulgação

Barbie: A Boneca . Foto:Divulgação



Além dos trajes externos, a Barbie também vestia roupas de baixo, simbolizando a idade adulta. Ela tinha um espartilho, que era necessário para encorajar a boa postura das mulheres. O primeiro guarda roupa da Barbie incluía dois sutiãs sem alça, um meia taça e uma anágua floral. Todas as questões privadas e embaraçosas sobre crescer podiam ser respondidas pela vestimenta da Barbie.

Outros trajes da Barbie refletiam a tradição americana e as atitudes femininas. Uma roupa popular da primeira Barbie era o vestido de casamento. Nos anos 50, o casamento era uma instituição sacramentada, vista como necessária na idade adulta. Ela também tinha trajes para atividades recreativas, como jogar tênis ou dançar ballet. Esses eram os esportes dos quais as mulheres podiam participar.

O desenvolvimento da moda da década de 50 aparecia no guarda-roupa da Barbie. A Mattel usava as últimas inovações em tecidos, como o tricô de nylon, o tule de nylon, nylon transparente, rede de nylon, etc. como materiais para as roupas da Barbie. Como as mulheres estavam usando meias-calça, a Barbie ganhou seu primeiro par em 1961, para se manter por dentro das tendências femininas.

Barbie: A Boneca . Foto:Divulgação

Barbie: A Boneca . Foto:Divulgação



A Mattel percebeu que a imagem da Barbie era perfeita demais, e decidiu criar um lado mais pessoal da boneca, fazendo com que ela parecesse mais com uma pessoa real. A ênfase da sociedade era sobre um forte núcleo familiar, por isso, na década de 60 os pais da Barbie eram identificados como Robert e Margareth Roberts dos Willows, Wisconsin. Junto com os pais, a Mattel desenvolveu um namorado e uma amiga para a Barbie. Ken, nomeado depois do filho de Handler, foi introduzido em 1961 e Midge, a amiga da Barbie com o rosto cheio de sardas, entrou em 1963.

Por causa da carência familiar da Barbie, sua primeira relação foi uma companhia masculina, chamada Ken. O primeiro comercial sobre o Ken dizia “Ele é uma boneca!”. Ao namorado da Barbie foi dada uma imagem de inocência, limpeza, brincadeira divertida, masculinidade e um pouco de timidez. Para acompanhar essa imagem, o Ken vinha com elementos adolescentes, como um suéter, calça social e um terno de flanela cinza. Uma das maiores questões que mais intrigavam a Mattel era como deveria ser o Ken, anatomicamente falando. Eles finalmente determinaram que jovens meninas não precisavam ser expostas a algumas realidades da idade adulta e, assim, o Ken nasceu com roupa íntima permanente. A criação do Ken era necessária, porque na década de 50, a mulher era considerada fracassada sem uma companhia masculina.

Barbie: A Boneca . Foto:Divulgação

Barbie: A Boneca . Foto:Divulgação



Toda propaganda envolvendo a Barbie e o Ken os colocava como um estereótipo de um casal adolescente. O primeiro comercial na TV para o Ken acontecia em um baile. No meio da cena romântica, a Barbie lançava um olhar sobre o Ken, e era amor à primeira vista. Todos os anúncios publicitários para a Barbie e seu “lindo namorado” são reflexos da qualidade inocente do galanteio. Ken e Barbie tinham trajes coordenados para a praia, danças fraternais, saídas depois da escola, entre outros. Uma revista sobre as aventuras de Barbie e Ken foi publicada. Eles eram vistos como sendo tão apaixonados que não poderiam um sem o outro. Depois da Barbie ajudar o Ken no jardim, ela diz “Eu faria isso a qualquer hora, Ken, só para passarmos mais tempo juntos”. O gibi da Barbie e do Ken promovia a imagem da relação entre homem e mulher na década de 60, antes da invasão da cultura hippie.

Em 1961, a Mattel produziu uma gravação de musical sobre o Ken, interpretada pela Barbie. Por meio dessa música, as garotas podiam aprender sobre maneiras adequadas de se comportar em um namoro.
Evidentes nas letras eram os jogos que as garotas podiam jogar, bem como o acanhamento e o desinteresse nas relações adolescentes. Essa gravação reforçou o caráter realista da personalidade da Barbie.

Em oposição à perfeição da Barbie, a Mattel introduziu Midge Hadley, a melhor amiga da Barbie. Midge era vista com uma imagem mais acessível que a da Barbie, porque era menos glamourosa e menos intimidante.

Barbie Boneca . Foto:Divulgação

Barbie Boneca . Foto:Divulgação



Boneca . Foto:Divulgação

Boneca . Foto:Divulgação


Midge tinha o corpo da Barbie, mas mais amplo e um rosto amigável coberto por sardas. Sua aparência pretendia ser “atenciosa”.

Continuando a suavizar a imagem da Barbie, a Mattel deu atenção ao rosto da boneca. A cirurgia plástica consistiu em sobrancelhas arqueadas e olhos azuis. Como a Barbie é conhecida por star atenta aos últimos estilos, ela recebeu um penteado parecido com o de Jackie Kennedy.

Barbie tinha uma qualidade que quebrava com os moldes tradicionais femininos. Ela era independente e mostrou às garotas que elas podiam ser mais do que imaginavam. Por meio da Barbie, todos os sonhos da idade adulta podiam ser reais. A Mattel usou como uma técnica de marketing, que passou pelo teste do tempo.


Além da Barbie...
Mas a criatividade de Ruth acabaria servindo a um propósito mais sério. 10 anos mais tarde, Ruth contraiu câncer de mama. Após passar por uma mastectomia ela procurou uma prótese. O que mostravam a ela eram sacos plásticos e nada mais. Ela ficou desestimulada. As bolsas não pareciam com os seios. Todas as próteses eram, segundo ela, granulosas e desconfortáveis. Então ela inventou algo melhor que passou a ser vendido com o nome de “Nearly Me”. Parecia um seio real e podia ser comprado em formato e tamanhos diferentes. Havia também o direito e o esquerdo, o que os outros não ofereciam. O “Nearly Me” além de mudar a forma como seriam feitas as próteses no futuro, também renovou a confiança das mulheres. Ruth queria ajudar as mulheres a desenvolver seu potencial. Era um dos seus desejos... As mulheres deveriam ir à luta e fazer o que os homens faziam. Ter carreiras, fosse como pilota, engenheira, advogada, médica. Era o que ela queria para as mulheres dos Estados Unidos.

Presente de Aniversário...
Para o seu aniversário de 50 anos, a Barbie ganhou novos sapatos! Lindos, perfeitos e encantadores e feitos por Christian Louboutin, uma mente criativa e que está por detrás de alguns dos sapatos mais desejados do mundo.

A criação será vista na cor Pantone 219 Pink durante a semana de moda de Nova York, em um desfile especial com cerca de 50 estilistas convidados.

A Boneca . Foto:Divulgação

A Boneca . Foto:Divulgação



Barbie. Foto:Divulgação

Barbie. Foto:Divulgação



Boneca Barbie . Foto:Divulgação

Boneca Barbie . Foto:Divulgação



Danusa Spricigo Pasqual
Manuela Casali Cordeiro

O meu objetivo nesta matéria é relatar sobre Barbie: A História da Boneca que Completa 60 anos em 2019 e tambem tirar suas duvidas, se está a procura de informação ou como encontrar o produto ou telefone de contato de empresas sobre: a história da boneca barbie completa , quantos anos a barbie tem? , barbie é demôniaca? , barbie é demoni , barbie demoniaca , barbie 2009 , barbie , a primeira skipper irma da barbie que aumentava o peito , a historia de guem marido da barbi videos , a historia completa da barbie ,

Barbie: A História da Boneca que Completa 60 anos em 2019

Deixe seu comentário

(Não divulgado)


Informe os numeros:









  • ola tenho 11 anos e sou muito... digamos ,atenciosa por esta boneca que o mundo adora muito obrigada pela a sua atençao deus- lhes acompanhe .

    ana bianca alves de sousa

  • eu ate esqueci de dizer mas vou dizer mesmo assim eu adoro abarbie e procuro sempre esta visitando blogs amigos e deixando comentarios

    lore

  • eu amei e tudo maravilhoso vou ate pegar algumas fotos para postar mais tarde

    lore

"As imagens presentes nesta matéria são reproduções de materiais já existentes. Caso tenha algum direito sobre as mesmas, entre em contato conosco para incluir os créditos ou solicitar a retirada."



FIQUE POR DENTRO