Pesquisar:

Em 2030, a depressão será uma doença uma doença comum

Segundo a Organização Mundial da Saúde, a depressão vai ser a doença que mais afetará o ser humano daqui a 20 anos. 0 comentários

Em 2030, a depressão será uma doença uma doença comum

Por: Gabriel Ribeiro da Silva
Portais da Moda - Comportamento

Moda Shopping Atacado

Depressão. Foto:Reprodução

Depressão. Foto:Reprodução


Atualmente todos estamos preocupados com a gripe suína (H1N1), pelo fato de estar em destaque na mídia. No entanto, deveríamos, também, ter outras preocupações. Segundo novos relatórios da Organização Mundial da Saúde (OMS), no ano de 2030 a doença mais comum no mundo e a que mais consumirá recursos dos governos será a depressão.

De acordo com esses relatórios, assim como já estamos acostumados a observar hoje em dia, quem mais sofrerá com isso serão os países subdesenvolvidos. De acordo com as pesquisas, mais de 450 milhões de pessoas já sofrem algum tipo de transtorno mental. A doença será sozinha a maior causadora de perdas para o ser humano no quesito saúde. Por não se tratar de uma patologia física, como câncer e AIDS, a depressão não é tão temida pela maioria da população. Apesar de muitos acharem que ela é uma doença silenciosa, a cada dia que passa aumenta o número de pessoas que são diagnosticadas com sintomas depressivos. De fato ela está presente em nossas vidas e isso só tende a aumentar.

Por serem os países que mais registram casos da doença, e não possuírem, os recursos que os países ricos possuem, aqueles em desenvolvimento serão os que mais sofrerão com o distúrbio. De acordo com os dados, as pessoas com menos recursos financeiros são as que mais apresentam sintomas de depressão.

Depressão uma doença comum. Foto:Reprodução

Depressão uma doença comum. Foto:Reprodução


A depressão tem inúmeras causas, porém a principal delas é a pressão vivida pelas pessoas no mundo contemporâneo. É por isso, que a incidência da doença é muito maior naqueles que possuem uma renda menor. Segundo o médico do Departamento de Saúde mental da OMS, Shekhar Saxena, pelos custos econômicos e sociais causados pela doença, ela deveria ser tratada com mais seriedade pelas autoridades e pela população.

Saxena disse: "A depressão é uma doença como qualquer outra doença física, e as pessoas têm o direito de ser aconselhadas e receber o mesmo cuidado médico que é dado no caso de qualquer outra doença".


Os sintomas da depressão são os mais variados, desde uma simples sensação de tristeza até dores no corpo e enjôos. Os sinais observados com mais frequência são:

- Perda de interesse e energia
- Dificuldade de concentração
- Falta de humor
- Alterações do apetite
- Distúrbios do sono
- Lenhificação das atividades mentais e físicas
- Sentir-se como perdedor ou fracassado
- Sentir-se desconfortável com os batimentos cardíacos
- Dor de cabeça
- Dificuldades digestivas

Sintomas depressivos. Foto:Reprodução

Sintomas depressivos. Foto:Reprodução



Normalmente as pessoas ligam esses sintomas a outras doenças, o que dá a falsa impressão de que o paciente doente está curado. Os sinais da depressão dificilmente aparecem todos juntos. Até para um especialista é difícil fazer um diagnóstico de um quadro depressivo, e não se engane: essa doença não passa sozinha sem tratamento. Por isso se você ou alguém do seu círculo social desconfiaa que está com depressão, o ideal é procurar um médico. Como dizem por aí, as doenças psicológicas e psicossomáticas são o verdadeiro mal do século XXI, e precisam ser tratadas para não trazerem maiores danos à saúde física e mental.

Gabriel Ribeiro da Silva


Equipe de Redação Portais da Moda Departamento de Arte, Cultura e Lazer
Portais da Moda - Comportamento

0 comentários para "em 2030, a depressão será uma doença uma doença comum"

Carregando formul´┐Żrio
"As imagens presentes nesta matéria são reproduções de materiais já existentes. Caso tenha algum direito sobre as mesmas, entre em contato conosco para incluir os créditos ou solicitar a retirada."

 

Receba notícias no seu
email - Portais da Moda