Como fazer uma massagem indiana

                                   

Técnicas de relaxamento com massagem Ayurvédica.

Como fazer uma massagem indiana
Depois de uma semana tumultuada, de muito trabalho e dor de cabeça; nada melhor do que aproveitar o final de semana para curtir momentos relaxantes e se preparar para agüentar mais uma semana agitada com exigências no trabalho, casa e família. Para harmonizar a alma, mente, saúde e corpo, tranqüilizando-os para dias de lazer e descontração, uma boa escolha é fazer, após o expediente de sexta mesmo, uma sessão de massagem.

Massagem Indiana. Foto:Divulgação

Massagem Indiana. Foto:Divulgação

[bloco_link1]


Cada vez mais praticada por profissionais da área e até mesmo entre o casal ou família, a massagem indiana proporciona benefícios à saúde e beleza a curto e longo prazo; por isso apostar na massagem (caseira ou não) pode ser um ótimo começo para um merecido final de semana de descanso e prazer.

Se o problema é não encontrar um profissional, estar muito em cima da hora para marcar uma sessão, recursos financeiros ou falta de habilidade para se dar ao luxo de usufruir uma boa técnica de massagem, vamos ensinar como fazer uma massagem bem fácil e eficaz; aprenda e peça para o namorado, marido, filha ou mãe também aprender. Você irá precisar apenas de óleos naturais de sua preferência e toalhas, ambos à temperatura ambiente ou um pouco superior a essa.

O primeiro, e importante, passo é criar um ambiente agradável que ajuda a potencializar os resultados da massagem. Procure um cd de músicas relaxantes, incensos e velas aromatizantes, deixe a luz local bem baixa e tente amenizar a temperatura até que fique aprazível. Coloque um colchão no chão e sobre ele um lençol limpo, e peça para o seu companheiro se deitar. A pessoa que será massageada deverá estar com pouca roupa, sendo indicado o uso de biquínis ou sungas.

Massagem Ayurvédica. Foto:Divulgação

Massagem Ayurvédica. Foto:Divulgação



Com o ambiente criado e a pessoa já deitada, posicione-se ao lado do seu “cliente” e comece a passar o óleo escolhido por toda a parte dorsal, desde os membros superiores até os inferiores do massageado. Em seguida você dará início à primeira manobra da massagem com suas mãos localizadas sobre a região sacral do corpo do cliente.

Técnica de massagem indiana. Foto:Divulgação

Técnica de massagem indiana. Foto:Divulgação



Com movimentos deslizantes feitos com a palma da mão, massageie as costas com bastante calma. Comece pela região dorsal e deslize até atingir a região do pescoço, nas vértebras cervicais.

Locais para massagem dorsal. Foto:Divulgação

Locais para massagem dorsal. Foto:Divulgação



Sobre a musculatura paravertebral (paralela à coluna) faça movimentos com os seus polegares. Inicie na parte lombo sacral e massageie em direção às vértebras cervicais.

A quarta manobra a ser feita, é na região da escápula; os membros superiores do paciente devem estar estendidos ao lado do corpo. Ao redor da escápula, realize movimentos com as pontas dos polegares a fim de aquecer os tecidos. Em seguida, coloque as pontas desses dedos sobre o centro da curvatura escapular e aperte ao máximo os dedos nesse espaço.

Técnica de massagem indiana (2). Foto:Divulgação

Técnica de massagem indiana (2). Foto:Divulgação



Feitos esses passos, a próxima etapa é a de alongamento do corpo do massageado. Os alongamentos, tão importantes quanto o processo de massagem, quando praticados diariamente, melhoram a postura e ajudam a evitar desgastes por parte de tendões e musculaturas.

O alongamento é tão importante quanto a massagem para relaxar. Foto:Divulgação

O alongamento é tão importante quanto a massagem para relaxar. Foto:Divulgação



Primeiramente, apóie a perna do paciente em sua perna, segurando o joelho dele. Com o deslizamento do seu antebraço, percorra toda a panturrilha, do joelho ao calcanhar várias vezes, aumentando a pressão exercida pelo seu braço à medida que repete o movimento.

Primeira manobra de alongamento Ayurvédico. Foto:Divulgação

Primeira manobra de alongamento Ayurvédico. Foto:Divulgação



Em seguida, coloque-se de joelhos atrás do paciente. Segure a região anterior do pé e guie-a até que o calcanhar dele encoste-se aos glúteos. Com sua outra mão, segure a pelve de seu companheiro para que ele consiga alongar a musculatura do joelho, o qual permanece sempre flexionado. Quando o calcanhar estiver estendido ao máximo, movimente lateralmente a perna do massageado. Repita essa parte com a outra perna.

Ainda com o receptor da massagem deitado, eleve o tronco dele aos poucos e peça para que ele deixe sua cabeça o máximo possível para trás. Esse alongamento trabalha os tendões, músculos e abertura torácica.

Agora com o paciente deitado com o queixo apoiado no chão e braços estendidos, segure o dorso de suas mãos e ele o braço do cliente para frente até que chegue ao seu limite máximo em direção a cabeça.

Alongamento dos braços. Foto:Divulgação

Alongamento dos braços. Foto:Divulgação



Por fim, para alongar a musculatura da coluna, peça para o cliente deitar-se novamente em decúbito dorsal e em seguida que se sente deixando os membros inferiores semi-abertos e os braços para trás. Sente-se atrás do “paciente” e segure os punhos dele. Coloque seus pés nas costas dele e, vagarosamente, pressione-os nas escápulas e puxe os braços do massageado para trás. Nesse momento, a tração deve ser máxima, para que abra o tórax e possa corrigir a coluna. Mantenha-se assim por alguns segundos e aos poucos diminua a tração sem soltar os braços até que voltem à posição original.

Alongamento da musculatura da coluna. Foto:Divulgação

Alongamento da musculatura da coluna. Foto:Divulgação



Essa técnica de massagem desenvolvida pelos indianos é conhecida como Massagem Ayurvédica, e com o auxílio dos óleos usados libera toxinas do corpo ajudando na manutenção e equilíbrio físico.

Aliando esses vigorosos movimentos com as manobras de tração e alongamento, a técnica Ayurvédica estimula os órgãos vitais e o fluxo da energia dos chakras, sendo sempre indicada para manter um bom estado de espírito e a harmonia espiritual, física e psíquica.

Além das melhorias sentidas no humor e próprio corpo após algumas sessões dessa massagem, ela traz outros benefícios como: a melhoria dos padrões de sono, diminuindo problemas de insônia; alívio de dores de cabeça e cansaço; aumento da autoconfiança, criatividade e concentração; ajuda no crescimento de fios capilares mais fortes e saudáveis; ajuda a combater problemas com estresse, depressão e ansiedade, além de liberar endorfinas do bom humor na corrente sanguínea, melhorando o seu astral e ajudando na recuperação de energias para que você possa encarar melhor as situações vivenciadas no seu dia-a-dia.


Camila Cemin Rolon
Redação

O meu objetivo nesta matéria é relatar sobre Como fazer uma massagem indiana e tambem tirar suas duvidas, se está a procura de informação ou como encontrar o produto ou telefone de contato de empresas sobre: massagem indiana , massagem ayurvédica passo a passo , masagem indiana , massagens indianas , o que e massagem indiana , como fazer massagem indiana , tipos de massagens indianas , tudo sobre massagem indiana , como e a massagem indiana , como é massagem indiana ,

Como fazer uma massagem indiana

Deixe seu comentário

(Não divulgado)


Informe os numeros:





  • olá! sou massoterapeuta e vou dar um curso de massagem agora em agosto/12, em juiz de fora, mg. quem tiver interesse em fazer ou promover esse curso, favor entrar em contato: femmina_luz@ig.com.br obrigada! :-)

    maristela santos

"As imagens presentes nesta matéria são reproduções de materiais já existentes. Caso tenha algum direito sobre as mesmas, entre em contato conosco para incluir os créditos ou solicitar a retirada."

Fique por dentro

Cadastre seu email e receba nossas novidades


Fique por dentro

Receba dicas de moda,saude e beleza