Pesquisar:

Tipos de tecidos naturais

Tipos de tecidos naturais. Consideradas clássicas e básicas, as fibras podem ter diferentes origens: a animal que compõe a lã e a seda ou a vegetal... 3 comentários

Tipos de tecidos naturais

Por: Fernanda Sartori Fernandes
Portais da Moda - Moda Sustentável

Moda Shopping Atacado

Consideradas clássicas e básicas, as fibras podem ter diferentes origens: a animal que compõe a lã e a seda ou a vegetal de onde provêm o algodão, o cânhamo, e o linho. Desses tecidos resultam roupas confortáveis, de toque agradável e práticas de manter. Contudo, algumas amassam com grande facilidade e talvez desbotem com o tempo.
Os tecidos naturais são sinônimos de conforto e de muito frescor. Estes estão em alta e são perfeitos para ir trabalhar nos dias quentes. Sem contar que prejudicam menos o meio ambiente. Acompanhe abaixo alguns tipos de tecidos naturais.


Algodão

Tecido fresco, macio, confortável e praticamente a principal fibra vestuário do mundo. A sua produção é um dos principais fatores de prosperidade e estabilidade econômica mundial e tem sido utilizado desde aproximadamente 3000 aC.

O algodão é muitas vezes misturado com outras fibras, tais como poliéster, linho e lã, mas nos últimos tempos, os consumidores têm preferido os tecidos com menos misturas e que são 100% algodão.

Esta fibra absorve e liberta suor rapidamente, permitindo assim que o tecido tenha a função de "respirar". Pode ser utilizado para fazer itens como calçados, barracas, tecidos de confecção etc.


Seda

A seda é uma fibra natural retirada a partir do casulo do bicho-da-seda.
Durante séculos a seda ficou conhecida como um tecido de luxo e sensualidade e estava sempre associada à riqueza e ao sucesso. A seda é uma das mais antigas fibras têxteis conhecidas pelo homem e tem sido usado pelos chineses desde muitos séculos atrás.

A seda foi mencionada pela primeira vez por Aristóteles e se tornou uma mercadoria valiosa tanto na Grécia como na Roma. Durante o Império Romano, a seda foi vendida para o seu peso em ouro.

Hoje, a seda é mais um sinônimo de elegância, e o vestuário que a tem como matéria prima é premiado por sua versatilidade e conforto.

A seda absorve umidade, o que a torna fresca no verão e quente no inverno. Devido a sua alta absorção pode ser facilmente tingida.




A lã é derivada do pêlo da ovelha que, depois de tosquiado, é processado industrialmente para usos têxteis, coloração e limpeza. O tecido feito de lã serve como isolante térmico, não esquenta e ainda por cima mantém a temperatura do corpo. É naturalmente elástica e não amassa com facilidade.

Linho

O linho é uma planta herbácea que chega a atingir um metro de altura. Composto basicamente de uma substância fibrosa da qual são extraídas as fibras longas para a fabricação de tecidos e da superfície lenhosa.

É um tecido mais forte e resistente que a fibra de algodão e ainda por cima tem alto poder absorção e tingimento, porém baixo poder de resiliência - amassa com facilidade.
Seu cultivo e sua produção são processos de alto valor produtivo, por isso o tecido custa muito caro. Para solucionar essa questão as indústrias têxteis produzem a fibra de linho entrelaçadas com outras fibras tais como: a viscose e o algodão.

O linho também recebe um banho de resina que dá ao mesmo um aspecto de encerado e brilhoso que faz com que o tecido amasse menos.

Cânhamo

A utilização da fibra de cânhamo também é bastante comum, pois é simultaneamente muito macio e durável. Ela pode ser usada para muitas coisas como: vestuário, decoração, tecidos para cama, mesa e banho. Possui brilho intenso e pode ser tingido facilmente.

Looks diferenciados e modernos

Os tecidos naturais, como o algodão, voltam como opções preferidas do guarda-roupa para enfrentar os dias quentes com muito estilo. O site da revista manequim traz um editorial com sugestões para o trabalho com looks bem diferenciados e modernos.

O look de duas peças abaixo contém: Uma blusa de (R$ 256) da marca Marcelo Quadros, uma saia de (R$ 168) do estilista Gregory, um Lenço de (R$ 30) da marca B. Luxo e as sandálias de (R$ 174) da Banana Price.

Looks da revista Manequim confeccionados com tecidos naturais. Foto:Reprodução

Looks da revista Manequim confeccionados com tecidos naturais. Foto:Reprodução



Escolha modelagens que saiam do óbvio, como o vestido de Gloria Coelho, que tem um volume discreto nas mangas.
O preço do vestido é de (R$ 998) a bolsa (R$ 639) da marca Maria Bonita Extra e sandálias (R$ 253) da New Order.

Looks da revista Manequim confeccionados com tecidos naturais. Foto:Reprodução

Looks da revista Manequim confeccionados com tecidos naturais. Foto:Reprodução



A versatilidade é uma das vantagens as mistura do algodão com o elastano, assim a roupa fica mais flexível e confortável.
Vestido (R$ 599) da marca Madame X; cinto (preço sob consulta) da Calvin Klein e sandálias (R$ 512,25), Luiza Barcelos para Ronaldo Fraga

Looks da revista Manequim confeccionados com tecidos naturais. Foto:Reprodução

Looks da revista Manequim confeccionados com tecidos naturais. Foto:Reprodução



O algodão muito usado em camisaria também aparece em roupas mais frescas, como no modelo da imagem.
O colete de (R$ 149) da grife Nem, regata de (R$ 45) da Hering; calça de (R$ 159) da Reserva Natural; e as sandálias de (R$ 338) da marca Luiza Barcelos.

Looks da revista Manequim confeccionados com tecidos naturais. Foto:Reprodução

Looks da revista Manequim confeccionados com tecidos naturais. Foto:Reprodução




Fernanda Sartori Fenandes
Redação

3 comentários para "tipos de tecidos naturais"

Carregando formul�rio
  • bom de mais modaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaa!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!1amoooooooo di mais tudo para mim

    lays

  • moda! estilo e muita elegancia.....

    jÉssica

  • podia ter mais tecidos!!!!!

    fyama lima

Carregando formul�rio "As imagens presentes nesta matéria são reproduções de materiais já existentes. Caso tenha algum direito sobre as mesmas, entre em contato conosco para incluir os créditos ou solicitar a retirada."

 

Receba notícias no seu
email - Portais da Moda