Glossario de moda

O que faz uma mulher pagar uma fortuna para ficar igual à outra? É o segredo da Louis Vuitton, que, com seu design clássico e cores discretas, transformou um logotipo com diamantes, estrelas, flores e um gigantesco e estilizado LV num objeto de desejo feminino com mais de um século. Essa magia começou em 1836, quando um garoto francês de 14 anos, chamado Louis Vuitton, filho de marceneiro, deixou seu vilarejo e, sem mala nem dinheiro, percorreu a pé 400 quilômetros até Paris. Trabalhou em estábulos, em cozinhas, e levou um ano para chegar à capital. A revolução industrial estava em seu começo, e o aprendiz de feiticeiro demorou outros dezessete anos até abrir, em 1854, a primeira loja Vuitton, no centro de Paris. Vendia baús, que logo se tornaram reversíveis em guarda-roupa com gavetas e cabides, escritório e cama. Tudo para agradar aos viajantes do século XIX.

A marca surgiu em 1854, em Paris, exatamente pelas mãos de Louis Vuitton, nascido em 1821. Ele estava com 33 anos, e já era um especialista na arte de fazer malas - em 1852, Vuitton foi chamado pela imperatriz Eugênia, mulher de Napoleão III, para executar uma encomenda.
Instalado afinal no nº 4 da Rue de Capucines, no centro de Paris, ele passou a exercer sua atividade para uma clientela que vinha de todo o mundo - um mundo cujas distâncias eram cobertas por navios e trens, em viagens longas que exigiam modelos especiais de enormes bagagens.

Em 1896, para destacar seus produtos das imitações que começavam a aparecer, George Vuitton, filho do fundador da marca, passou a revestir suas bagagens em tecido, com um desenho que combinava as iniciais LV com flores estilizadas, que se tornou um clássico, com o nome de Monograma.

Nos anos 20 do século 20 não havia concorrência para a grife Louis Vuitton. De Coco Chanel a Aga Khan, incluíndo-se os artistas célebres da época e toda a aristocracia européia, ninguém viajava sem suas malas da marca, que apareciam em versões personalizadas.

Sempre inovadora a frife além de continuar descobrindo como atender a cada nova necessidade de quem viaja, agora em rotas que ficaram curtas com os aviões e os carros velozes, a marca também cria moda, masculina e feminina, e está presente em lojas espalhadas pelos quatro cantos do planeta, incluíndo-se o Brasil.

Ref:
www.fashionteen.org/louisvuitton.html
www2.af.rec.br


FIQUE POR DENTRO